A Umbanda de “matrículas abertas”

Jesus expulsando os vendilhões do templo

Começou o ano e assim como as escolas, os terreiros estão em polvorosa correndo atrás de alunos para seus cursos de desenvolvimento mediúnico. Lei de mercado, vale desconto pra pagamento antecipado, vale traga um amigo e ganhe um desconto, vale reserva de vaga…. tudo pra fisgar o maior número de alunos.
Vi muito disso nas escolas de idiomas, o negócio é prender o aluno o quanto antes, para que ele não mude pra uma escola da concorrência.
Que todo terreiro tem que encontrar uma forma de se financiar, ninguém duvida. Mas será que em nome da saúde financeira vale omitir algumas coisas dos “alunos”?
Primeiro que “CURSO” de Desenvolvimento não existe. Curso é algo com começo-meio-e-fim, com um objetivo claro e bem definido e uma avaliação de desempenho final.
Desenvolvimento mediúnico não é nada disso. É sim um treino para aprender a comunicar-se da melhor forma com nossos amigos espirituais, mas nunca um curso. Desenvolvimento não tem fim. Praticar caridade não tem fim nem muito menos diploma. 
Desenvolvimento acontece durante a vida toda do médium, até porque a Umbanda não é uma coisa parada que pode ser estudada igual uma enciclopédia do século passado. É uma religião viva, que absorve conhecimentos e desenvolve suas próprias técnicas o tempo todo. Novas linhas surgem, novos conhecimentos são revelados, nossa moral cristã evolui…
Outra omissão é a de que um curso mediúnico serve para evolução pessoal. Não. Não mesmo. Vamos ser simples e objetivos aqui: desenvolver a mediunidade é ferramenta para a prática da caridade, esse é o objetivo.
O contato com os guias, o conhecimento das técnicas de harmonização, energização, descarrego e a reforma íntima é o que nos traz crescimento pessoal.
Não dá pra mentir pros novos médiuns que eles irão alcançar elevados níveis de moral e elevação espiritual no desenvolvimento mediúnico. 
A elevação moral pode até existir (e tem muito médium ótimo de conduta moral reprovável) mas não é fruto do desenvolvimento mediúnico. É fruto da aplicação do evangelho de Jesus, é fruto do mergulho em si mesmo que o contato com os guias proporciona, que a energia da natureza nos traz… Mas tudo isso curso nenhum te traz.
É.. meu filho… a felicidade existe mas o caminho é individual e cada um tem que encontrar o seu próprio.
Curso de desenvolvimento mediúnico nenhum vai te trazer isso, muito menos esses ~cursos~ que estão mais interessados no teu talão de cheque que em você mesmo.
Se onde vc quer iniciar sua vida espiritual estão usando técnicas de vendas para te fazer pagar alguma coisa, foge. Cariade ali passou longe!
E de uma coisa não se pode fugir: fora da caridade não há salvação.

Jesus expulsando os vendilhões do templo 

Comentários

comentários

Cleber Quichimbí

Cleber 39 anos, filho de Oxalá... Idealista e emotivo. Metódico. Estudioso. Qualquer brinquedo é motivo para ser montado e desmontado. Este é seu maior desafio na vida: entender como as coisas funcionam nos mínimos detalhes.

Você pode gostar...